Operadores
Login

Esqueceu a senha?

BRAMON | VÍDEO + Análise – Grande Meteoro Sobre a Venezuela
2319
post-template-default,single,single-post,postid-2319,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,smooth_scroll,
title

Novidades

VÍDEO + Análise – Grande Meteoro Sobre a Venezuela

Um grande meteoro foi visto na noite do dia 09/02/2019, por volta das 23:20 UT (19:20 no horário local) na região de Valência na Venezuela. O meteoro foi registrado em vídeo por pelo menos 5 câmeras e também foi relatado à AMS (Sociedade Americana de Meteoros) por observadores na Venezuela e das Ilhas Caribenhas de Curaçau e Bonaire. Logo após o ocorrido, as redes sociais foram inundadas por depoimentos, vídeos e especulações a respeito do fenômeno.

Imagens de incêndio supostamente relacionados ao evento foram postadas, mas certamente não tem qualquer relação com o ocorrido.

Embora tenham sido gravados ao menos 5 vídeos do ocorrido, nenhum deles possuíam informações úteis como localização e direção do avistamento.  Ainda assim, uma equipe da BRAMON buscou relacionar o máximo de informações possíveis e juntou as peças do quebra-cabeças para obter uma trajetória preliminar do meteoro que assustou os moradores daquela região da Venezuela.

A equipe também teve acesso a uma imagem do satélite meteorológico GOES-16 que mostra uma anomalia, que pode estar relacionada ao evento, ocorrida no mesmo horário, na região de San José de Tiznados, cerca de 90 Km a Sul de Valência.  Não haviam nuvens de tempestade na região que pudessem provocar esse tipo de detecção, então provavelmente, deve se tratar da ionização gerada pela passagem atmosférica do meteoro.

Anomalia detectada pelo GOES-16

Anomalia detectada pelo GOES-16

A partir da análise das imagens e das poucas informações disponíveis, foi proposta a trajetória abaixo, que ainda não é uma solução definitiva, mas uma trajetória que se encaixa com as observações em Valência, Caracas e ao flash percebido pelo GOES-16.

Trajetória preliminar proposta pela BRAMON

Trajetória preliminar proposta pela BRAMON

A partir da análise mais detalhada de um dos vídeos em que se tem a localização aproximada, também foi possível calcular alguns dados para essa trajetória. Se ela estiver correta, teremos o meteoro surgindo no céu 104 Km acima da região de Las Ollas e seguindo por 6,11 segundos em direção a sudoeste a uma velocidade de cerca de 26 Km/s até se extinguir à cerca de 25 Km acima da zona rural de Flor Amarilla.

  • Duração do meteoro: 6,11 segundos
  • Extensão da trajetória: 160 Km (123 Km projetado em solo)
  • Ângulo de entrada: 40°
  • Velocidade: 26,21 Km/s
  • Altitude inicial: 104 Km
  • Altitude final: 25 Km

Visões simuladas da trajetória em algumas cidades da Venezuela

Meteoritos?

Ao que tudo indica, devem haver meteoritos em solo na região entre San Francisco de Tiznados , San José de Tiznados e Flor Amarilla. Existe ainda um grau de incerteza muito alto em relação à área de dispersão dos meteoritos. Entretanto, como a trajetória e consequentemente, as altitudes não devem se alterar muito, existe sim esse indicativo de novos meteoritos venezuelanos. E se confirmada, essa região é uma região excelente para buscas, com pouca vegetação e essencialmente agrícola. Certamente o povo venezuelano irá aproveitar bem esse presente dos céus!

Possível área de dispersão dos meteoritos

Possível área de dispersão dos meteoritos

A BRAMON segue buscando novos dados e informações que permitam apurar a acurácia desta trajetória e da área de dispersão dos meteoritos. Assim que houverem novidades desse caso, será divulgado aqui.

Aqueles que puderem colaborar com imagens, vídeos ou apenas mais informações a respeito do meteoro, podem entrar em contato através do email fireballs@bramonmeteor.org.

Agradecimentos

É importante agradecer a todos aqueles que vem colaborando neste trabalho: a equipe BRAMON e os cidadãos que tem nos passado importantes informações a cerca do meteoro. Em especial à Thereza Ott, que enviou os links dos vídeos detectados pelo projeto NEMO.

 

Nenhum Comentário

Desculpe, os comentários estão fechados agora.